Adam Horovitz sobre Iggy Azalea: “Ia dizer que não presta, e não presta”

Em 1 Abril, 2015

Adam Horovitz era mais conhecido por ter vindo dos Beastie Boys, e agora está pelos vistos mais interessado em ser actor. Sentou-se com o The Daily Beast para um entrevista que cobriu uma grande variedade de tópicos.

 

Sobre os gangsters originais do rap:
“O rap é o único tipo de música que me lembro em que ninguém quer saber do ano passado – quanto mais de há 20 ou 30. Rap é a única música super actual. Alguém com 15 anos a ouvir rap pode estar tipo “Grandmaster Flash? Quem?” E é assim. Aceitam-se as coisas assim.”

 

A sua opinião sobre Iggy Azalea:
“Ela soa como o Da Brat. Não posso dizer muito porque nunca ouvi uma canção dela, não é para mim. Eu ia dizer que não presta, e não presta. Mas que sei eu? Vendeu tipo 20 mil milhões de discos, portanto as pessoas gostam. Não quero saber.”

 

As suas ambições antigas:
“Quando era pequeno queria ser actor. Era a minha cena. Quando fiz 12 anos a minha mãe deu-me uma guitarra e aprendi a tocar, e entºao tudo mudou.”

 

O que ele acha do estado actual de Nova Iorque:
“É uma chatice. É mesmo uma chatice. É o que as cidades fazem – elas mudam. Algumas ccidades vão no sentido oposta e tornam-se no caralho de cidades fantasma, mas eu e a Kathleen fomos ver Patti Smith fazer a sua cena e alguém lhe falou do estado actual da cidade e ela disse: “É deprimente. Não podes ser um artista faminto. Não podes vir para Nova Iorque para ser artista”.

 


(Carregue para aumentar)
Loading...

Tomatadas relacionadas

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Powered by: Wordpress